MUITO MAIS QUE SEGURANÇA”: IDENTIDADE PROFISSIONAL DE POLICIAIS MILITARES DO DISTRITO FEDERAL A PARTIR DE SUAS REPRESENTAÇÕES SOCIAIS

Daniele de Sousa Alcântara

 

É doutora em Sociologia pela Universidade de Brasília, atuando na linha de pesquisa de Violência, Segurança e Cidadania. Realizou Estágio de Doutorado no Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa, Portugal e Estágio de Doutorado no Centre d’Analyse et d’Intervention Sociologiques (CADIS) da L’École des Hautes Études en Sciences Sociales, Paris – França, no período de setembro de 2014 a maio de 2015. Mestra em Educação pela Universidade de Brasília (UnB, 2012). Especialista em Segurança Pública e Cidadania pela Universidade de Brasília (UnB, 2009). Especialista em Ciências Jurídicas pela Universidade Cruzeiro do Sul (UNICSUL, 2011). Graduada em Segurança Pública -Curso de Formação de Oficiais (2006).Graduada em Educação Artística pela Universidade de Brasília (UnB, 2002). Graduada em Letras Espanhol pela Universidade de Brasília (UnB, 2010). Graduada em Direito pela Universidade Cidade de São Paulo (UNICID, 2014). Participou do Law Enforcement Management Development Program na International Law Enforcement Academy, ILEA, em El Salvador; do United Nations Police Pre-Deployment Course no Pearson Peacekeeping Centre e do United Nations Police Officer Course no Life Guards Centre, Stockholm-Swedish. Entre os interesses de pesquisas encontram-se temas relacionados a violência, polícia, educação policial pautados pela teoria das representações sociais e por concepções. Membro da Sociedade Brasileira de Sociologia (SBS). Avaliadora do INEP/MEC. Professora do Instituto Superior de Ciências Policiais (ISCP).

Dentre suas produções, destacam-se sua tese de doutoramento “MUITO MAIS QUE SEGURANÇA”: IDENTIDADE PROFISSIONAL DE POLICIAIS MILITARES DO DISTRITO FEDERAL A PARTIR DE SUAS REPRESENTAÇÕES SOCIAIS” (UnB, 2017) sob orientação da  Prof. Dra. Maria Stela Grossi Porto; que se acha disponível no repositório da Universidade de Brasília: http://repositorio.unb.br/handle/10482/31900

Faça download da tese diretamente aqui: TESE UnB Daniele Alcântara Nascimento

Outras publicações da autora:

Sinopse

Uma pesquisa exploratória de cunho qualitativo que se orientou no sentido de conhecer e analisar as concepções de professores civis e professores policiais militares acerca do aluno policial militar na Academia de Polícia Militar de Brasília (APMB). Por meio da análise do conteúdo das entrevistas, a autora identificou categorias temáticas para melhor compreensão das falas dos professores. A preocupação da pesquisadora em conhecer as concepções de professores civis e professores policiais militares acerca do aluno policial militar é oriunda da curiosidade em verificar a imagem que se tem do aluno e relações didático-pedagógicas que se estabelecem num ensino que é permeado de normas que moldam o aluno. As concepções, ao final deste estudo, podem atuar, por um lado, como filtro que estrutura o sentido que damos às coisas e, por outro lado, como bloqueadoras em relação às novas realidades no ensino da APMB. Os conflitos que podem surgir desta situação se referem às práticas divergentes entre professores e instituição de ensino a qual é submetida a ação docente. Conclui-se que as concepções de professores se formam relacionadas às crenças, valores e imagens da PMDF, abrindo caminho para que os docentes compreendam como lidam com o aluno policial militar em formação. Pensar, discutir e considerar as concepções de professores na APMB, no contexto atual de um incipiente debate sobre a formação do policial militar, é abrir caminhos para que os próprios professores reflitam sobre possíveis mudanças no ensino em benefício do aluno policial militar e ainda, possam compreender a formação do policial militar e sua complexidade. Para adquirir: https://www.editoracrv.com.br/produtos/detalhes/3858-detalhes

Aproposta deste livro surgiu da demanda e da importância de se divulgar a produção de pesquisa-dores/professores que participam, como integrantes ou colaboradores, do Grupo de Estudos e Pesquisa em Psicologia e Educação – GRUPPE. Grupo interinstitucional da Faculdade de Educação da Universidade de Brasília, em que participam profissionais da educação de  várias instituições de Ensino Superior, dentre elas, o Centro Universitário Planalto do Distrito Federal – UNIPLAN.
Concluindo, esta coletânea mostra-se ilustrativa da riqueza da teoria das representações sociais e da subjetividade no campo educacional. Esperamos que o leitor aprecie  o conjunto de textos que tornamos público e que as considerações produzidas neste livro possam servir de estímulo para outros professores/ estudantes/pesquisadores no contexto educacional.

Autores participantes: Claudia Borges da Fonseca, Daniele Alcântara Nascimento, Denilussi Bispo da Silva
Denise de Oliveira Alves, Denise Maria Botelho, Eunice Nóbrega Portela, Hélio Ricardo Machado Lopéz, Katia Aparecida Marangon Barbosa, Lucilene Costa e Silva, Natália Queiroz de Oliveira Souto, Radson Lima Vila Verde
Silvia Souza de Miranda Rodrigues (2012, 1a edição, formato 14 x 21cm).

Adquira a obra em: https://www.thesaurus.com.br/produto/representacoes-sociais-e-subjetividade-inter-relacoes-em-educacao-8037