DESAFIOS DO ENSINO HÍBRIDO NO CONTEXTO DA FORMAÇÃO POLICIAL MILITAR

uma prática disruptiva

Palavras-chave: Polícia Militar de Santa Catarina, Ensino militar, Ensino híbrido, Pandemia Covid-19

Resumo

A Organização Mundial de Saúde declarou, em 11 de março de 2020, que ocorria no mundo uma pandemia denominada de COVID-19. A Faculdade da Polícia Militar de Santa Catarina (FAPOM) deliberou o Plano de Contingência para as readequações de ações para as disciplinas dos Cursos de Formação de Policiais Militares, adaptando-se rapidamente ao ensino híbrido. Diante das particularidades da formação militar, a pesquisa tem como objetivo identificar os desafios vivenciados pelos alunos soldados no ano letivo de 2020-2021, na modalidade de ensino híbrido. É uma pesquisa descritiva e exploratória com abordagem quali-quantitativa. Para coleta de dados fez-se uso da pesquisa bibliográfica, documental e de levantamento. Os resultados apontam para uma progressiva e positiva adaptação dos alunos ao ensino militar híbrido, ainda que as disciplinas práticas careçam de abordagem 100% presencial.

Biografia do Autor

Alfredo Schuch, Polícia Militar de Santa Catarina - PMSC

Possui graduação em Bacharel em Direito pela Universidade do Extremo Sul Catarinense(2005). Atualmente é Tenente-Coronel PM Chefe da Divisão de Ensino da Faculdade da Polícia Militar. Tem experiência na área de Ciência Política.

 CV: http://lattes.cnpq.br/4375542623060294 

Luciana Mara Silva, Faculdade da Polícia Militar de Santa Catarina

Doutora em Ciência da Informação pela UFSC. Atuou como docente na Unisul Digital, ministrando a disciplina Metodologia para Estudo de Caso (2007-2013). Foi tutora do Curso de Especialização - Gestão de Bibliotecas Escolares pela Universidade Federal de Santa Catarina (EaD). É docente na Faculdade da Polícia Militar de Santa Catarina (Fapom). Atua como bibliotecária na Universidade do Sul de Santa Catarina (Unisul) coordenando as bibliotecas do Campus Universitário Pedra Branca, Florianópolis e Unisul Digital. Coordenadora do Repositório Institucional da Unisul (Riuni). Representa a Unisul no Grupo de Bibliotecários de Informação em Ciências da Saúde do Brasil. Atua na área de ciência da informação, informação e comunicação, fluxos de informação, produção e comunicação da informação, repositório institucional, ciência e pesquisa, metodologia científica, metodologia da pesquisa, fontes de informação, biblioteca universitária com ênfase nos serviços de referência e gestão de pessoas. Integrante do grupo de pesquisa Informação, Tecnologia e Sociedade vinculadas a Universidade Federal de Santa Catarina http://dgp.cnpq.br/dgp/espelhogrupo/0253206695837277 Integrante do grupo de pesquisa Centro de Estudos em Sociedade, Segurança e Cidadania, do(a) Universidade do Sul de Santa Catarina.

CV: http://lattes.cnpq.br/3005116350546030 

Silvana Rodrigues de Souza Sato, Faculdade da Polícia Militar de Santa Catarina

Docente e Auxiliar de Pesquisa na Faculdade da Polícia Militar de Santa Catarina (FAPOM). Possui Doutorado em Ciências da Educação pela Universidade Federal de Santa Catarina (2018), com estágio na Université Paris 8 - Vincennes-Saint-Denis, Paris, fomentado pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Mestrado em Ciências da Educação pela Universidade Federal de Santa Catarina (2011) e graduação em Pedagogia pela Universidade do Estado de Santa Catarina (2004). Integra o Grupo de Pesquisa Ensino e Formação de Educadores em Santa Catarina (GPEFESC/CNPq) e o Laboratório de Pesquisas Sociológicas Pierre Bourdieu (LAPSB/CNPq). Sua experiência na área educacional contempla atuação na Educação Infantil e Séries Iniciais e atividades acadêmicas, sobretudo, nas subáreas Sociologia e História da Educação, com ênfase em Sociologia da Educação. Desenvolve estudos e pesquisas com foco nos seguintes temas: desigualdades sociais e escolares, democratização do acesso ao ensino superior, meritocracia escolar e justiça escolar.

CV: http://lattes.cnpq.br/2440515165458163 

 

Henriete Jacobsen, Faculdade da Polícia Militar de Santa Catarina

Possui graduação em Pedagogia pela Fundação Universidade Regional de Blumenau (1986) e pós-graduação em Administração Escolar, também pela FURB (1987). Administrador Escolar do quadro do Magistério Público Estadual, na Secretaria de Estado de Educação de 1982 a 2016. Professor Colaborador na UDESC 2001 a 2005. Professor Tutor EaD Uniasselvi 2012 a 2016. Professor no Colégio Policial Militar Feliciano Nunes Pires 2016. Supervisor de Estágio da Educação Infantil na UDESC, 2018. Orientador de Trabalho de Conclusão de Curso de Pós-Graduação/Uniasselvi 2016 a 2018. Com experiência na área de Educação, ênfase em Gestão/Administração Escolar e Orientação Educacional. Secretária Municipal de Educação em Taió-SC.Integrante do Núcleo Docente Estruturante da Polícia Militar de Santa Catarina. Professor Formador Conteudista do Centro de Ensino da PMSC. Atualmente é Pedagoga no Centro de Ensino da Polícia Miltar de Santa Catarina. Membro da Comissão Própria de Avaliação (CPA) da Faculdade da polícia Militar de Santa Catarina (FAPOM).

CV: http://lattes.cnpq.br/8313319162635676

 

Cíntia Andréa Dornelles Teixeira, Faculdade da Polícia Militar de Santa Catarina

Possui graduação em Pedagogia Licenciatura Plena pela Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul UNIJUÍ(1993) ; Psicopedagoga Clínica e Institucional - Instituto Jean Piaget - POA, Mestrado em Educação pela Universidade Federal de Santa Maria - UFSM(2003). Doutora em Educação pela Universidade do Rio do Vale dos Sinos - UNISINOS (2015). Atualmente está frequentando o Curso de Segurança Pública pela UNISUL-SC. . Membro da equipe da Direção de Ensino da Polícia Militar do Estado de Santa Catarina como Pedagoga e Professora dos cursos de formação inicial e continuada da Polícia Militar - SC Tem experiência na área de Educação, atuando principalmente nos cursos de: formação de professores/ formadores, Cursos de formação de docência universitária, psicopedagogia, gestão, relações interpessoais, trabalho docente, psicologia do desenvolvimento e aprendizagem e campos de atuação do pedagogo. Além disso, experiência como professora de Educação Básica e Ensino Superior - Graduação e Pòs-Graduação, bem como, Gestão - Coordenação de Curso e de área do conhecimento das Ciências Humanas.

CV: http://lattes.cnpq.br/7038309148776696 

Referências

Bardin, L. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2011.

BRASIL. Presidência da República. Medida Provisória Nº 934 de 2020. Estabelece normas excepcionais sobre o ano letivo da educação básica e do ensino superior decorrentes das medidas para enfrentamento da situação de emergência de saúde pública de que trata a Lei nº 13.979, de 6 de fevereiro de 2020.2020a. Disponível em:https://www.congressonacional.leg.br/materias/medidas-provisorias/-/mpv/141349. Acesso em: 25 fev. 2021.

BRASIL.Ministério da Educação. Portaria Nº 343, de 17 de março de 2020. Dispõe sobre a substituição das aulas presenciais por aulas em meios digitais enquanto durar a situação de pandemia do Novo Coronavírus - COVID-19. 2020b. Disponível em: https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/portaria-n-343-de-17-de-marco-de-2020-248564376. Acesso em: 30 maio. 2020.

BRASIL. Secretaria Nacional de Segurança Pública. Matriz curricular nacional para ações formativas dos profissionais da área de segurança pública. Brasília: SENASP, 2014.

CHRISTENSEN, C. M.; EYRING, H. J. A universidade inovadora: mudando o DNA do ensino superior de fora para dentro. São Paulo: Bookeman, 2013.

FAZENDA, I. (org.). O que é interdisciplinaridade? São Paulo: Cortez. 2008.
GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2019.

HOFFMANN. E. H. Ensino híbrido no ensino fundamental: possibilidades e desafios. 2016. TCC (Especialização em Educação na Cultura Digital) - UFSC, Florianópolis, 2016. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/xmlui/bitstream/handle/123456789/168865/TCC_Hoffmann.pdf. Acesso em: 25 maio.2021.

HORN, Michel B.; STAKER, H. Blended: usando a inovação disruptiva para aprimorar a educação. Porto Alegre: Penso, 2015.

PMSC. Diretoria de Instrução e Ensino. Faculdade da Polícia Militar. Centro de Ensino. Proposta para a aplicação de disciplinas práticas: CFO, CFS e CFsd/PMSC/FAPOM/2020. Florianópolis: PMSC, 2020.

PRODANOV, Cleber Cristiano. Metodologia do trabalho científico: métodos e técnicas da pesquisa e do trabalho acadêmico, 2. ed. Novo Hamburgo: Feevale, 2013.

SILVA, L. M. Repositório Institucional e o ecossistema da Ciência Aberta: mecanismos de funcionamento. 2020. Tese (Doutorado em Ciência da Informação)- UFSC, Florianópolis, 2020. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/bitstream/handle/123456789/219442/PCIN0243-T.pdf?sequence=-1&isAllowed=y. Acesso em: 25 jul. 2021.
Publicado
2022-05-04
Como Citar
Schuch, A., Silva, L., Sato, S., Jacobsen, H., & Teixeira, C. (2022). DESAFIOS DO ENSINO HÍBRIDO NO CONTEXTO DA FORMAÇÃO POLICIAL MILITAR. Revista Do Instituto Brasileiro De Segurança Pública (RIBSP) - ISSN 2595-2153, 5(11), 83-100. https://doi.org/https://doi.org/10.36776/ribsp.v5i11.171