SERVIÇO POLICIAL NA PANDEMIA

o papel policial e o ser humano que ocupa essa função

Autores

Palavras-chave:

Polícia, Segurança Pública, Pandemia, Saúde, Covid-19

Resumo

A polícia, durante a pandemia, adquiriu novas funções e continuou o seu trabalho mesmo com as medidas de isolamento. Nesse contexto, homens e mulheres tiveram suas rotinas afetadas acompanhada de carga emocional que pode prejudicar a saúde desses trabalhadores. Esta revisão bibliográfica teve o intuito de apresentar e discutir as mudanças no serviço policial e suas consequências para seus servidores. Foi observado que a segurança pública ainda não é vista como essencial em situações de incidentes, sendo necessário a sua inserção nos protocolos relacionados à saúde pública. Maior atenção à saúde desses profissionais deve ser implementada devido à grande carga de estresse vivido por eles, e maiores investimentos devem ser feitos em relação ao treinamento e na aquisição de equipamentos, bem como considerações sobre gênero devem ser previstas nas medidas adotadas.

Biografia do Autor

Joara de Paula Campos, Universidade Federal de Goiás (UFG)

Perita Criminal da Superintendência da Polícia Técnico-Científica do estado de Goiás, atuante na Coordenação Regional de Aparecida de Goiânia em Locais de Crime. Orientadora e Professora de Metodologia Científica Aplicada à Segurança Pública nos cursos de Pós Graduação da Academia da Polícia Militar de Goiás. Professora do Curso de Pós-Graduação em Gestão em Segurança Pública e de Medicina Legal na Escola Superior da Polícia Civil de Goiás (ESPC), onde atua, também, como Pesquisadora. Doutoranda em Direitos Humanos na Universidade Federal de Goiás (UFG). Mestrado pelo Programa de Pós-Graduação em Genética do Instituto de Biociências de Botucatu (UNESP). Aprimoramento em Histopatologia e Biologia Forense no Instituto Oscar Freire da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP). Especialização em Gerenciamento de Segurança Pública pela Universidade Estadual de Goiás (UEG). Graduada em Ciências Biomédicas pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP) Câmpus de Botucatu. Possui habilitação em Hematologia e Imagenologia pelo Hospital das Clínicas de Botucatu. Experiência como Auxiliar de Necropsia Policial da Superintendência da Polícia Técnico-Científica de São Paulo.

CV: http://lattes.cnpq.br/7078814663839361

Downloads

Publicado

2022-05-04

Como Citar

de Paula Campos, J. (2022). SERVIÇO POLICIAL NA PANDEMIA: o papel policial e o ser humano que ocupa essa função. Revista Do Instituto Brasileiro De Segurança Pública (RIBSP) - ISSN 2595-2153, 5(11), 9–24. Recuperado de https://ibsp.org.br/ibsp/revista/index.php/RIBSP/article/view/114