POLICIAMENTO COMUNITÁRIO NO CEARÁ

uma análise do Programa Ronda do Quarteirão

  • Leandro de Abreu Andrade Polícia Militar do Ceará (PMCE)
Palavras-chave: Segurança Pública, Policiamento Comunitário, Ronda do Quarteirão, Polícia Militar, Ceará

Resumo

O conceito de Segurança Pública como direito individual, social, fundamental e garantido constitucionalmente no Brasil é um tema alvo de diversas discussões, estudos e proposituras de políticas públicas que visam a paz social. Após um período de alta nos índices de criminalidade no Ceará, um candidato ao Governo do Estado, lança uma proposta inovadora: o Programa Ronda do Quarteirão. Baseado em estudos de modelos de policiamento comunitário pelo mundo, este programa é bem recepcionado pela população cearense e leva o seu propositor à vitória nas eleições. Realizada sob uma perspectiva qualitativa de cunho bibliográfico e documental, esta pesquisa objetiva realizar uma análise deste programa de policiamento comunitário que, mesmo levando um candidato à eleição e reeleição com resultados expressivos, durou apenas uma década. Após breve explanação do sistema de segurança pública e policiamento ostensivo brasileiros, são abordadas questões que envolvem e relacionam polícia e política. É realizado memorial descritivo do Programa Ronda do Quarteirão abordando seu início, desde a fase piloto do projeto até sua implantação de fato, bem como sua expansão da capital para o interior do Estado; sua atuação com as devidas expectativas, avaliações e críticas; e o período de declínio e de extinção deste projeto. Depreende-se, deste estudo, a necessidade social de um sistema de policiamento que se aproxime da população e que eleve o agente policial a uma condição de transformador social. Porém, esta não é uma tarefa fácil, as políticas públicas devem estar atentas às dinâmicas sociais e, a estas, se adequar.

 

Biografia do Autor

Leandro de Abreu Andrade, Polícia Militar do Ceará (PMCE)

Mestrando em Educação, Especialista em Arte-Educação, Bacharel em Administração, Professor e Músico. Fundador e integrante do Quarteto de Trombones do Ceará, onde permaneceu de 2006 até 2010. Fundador da Associação de Trombonistas do Estado do Ceará - ATECE, em 2008, onde atuou até o ano de 2013. Organizador dos Fóruns de Trombonistas realizados na cidade de Fortaleza. Participou de espetáculos em edições do Festival Eleazar de Carvalho, do Festival de Música de Ibiapaba e do Festival de Jazz & Blues de Guaramiranga. Atualmente é músico da Banda de Música da Polícia Militar do Ceará; Integrante da Big Band da Universidade de Fortaleza - UNIFOR, desde 2014, onde realiza pesquisas sobre o gênero do Jazz e suas aplicações nas big bands; Professor de Trombone, Bombardino e Tuba da Escola de Música Chiquita Braga.

Referências

BARBOSA, Wendell de Freitas; SÁ, Leonardo Damasceno. Redefinições da condição de morador: classificações das clientelas no mandato policial cotidiano e suas consequências nas relações entre polícia e população. Caderno CRH, Salvador, v. 28, n. 75, p. 639-656, set./dez. 2015.

BARREIRA, César; RUSSO, Maurício Bastos. O Ronda do quarteirão - relatos de uma experiência. Revista Brasileira de Segurança Pública, São Paulo, v. 6, n. 2, p. 282-297, ago./set. 2012.

BAYLEY, David H. Padrões de policiamento: uma análise internacional comparativa. Trad. Renê Alexandre Belmonte. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2001.

BONI, Márcio Luiz. Cidadania e poder de polícia na abordagem policial. Revista da Faculdade de Direito de Campos, Ano VII, Nº 9 – dez. 2006.

BRASIL, Joel Costa. Avaliação do programa ronda do quarteirão através de uma metodologia baseada em análise de intervenção. 2011. 65f. Dissertação (mestrado profissional em economia do setor público) - Programa de Pós-Graduação em Economia, CAEN, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, CE, 2011.

BRASIL. Constituição da República Federativa do Brasil, 1988. Disponível em: Acesso em: 10 dez 2019.

BRITO, Francisco Rivanildo Moura. Ronda do Quarteirão: proposta de polícia comunitária ou um novo modelo de policiamento? 2009. 50f.- TCC (Monografia) -Universidade Federal do Ceará, Centro de Humanidades, Centro de Treinamento e Desenvolvimento, Especialização em Policiamento Comunitário, Fortaleza (CE), 2009.

CEARÁ, Batalhão de Policiamento Comunitário. Fortaleza: SSPDS, 2014.

CORRÊA, Rosália do Socorro da Silva. Discutindo cidadania com policiais militares da Paraíba. Revista Brasileira de Segurança Pública, ano 1, ed. 2, p. 40-49, 2007.

CRUZ, Lara Abreu. O tradicional e o moderno na formação do Policial Militar: uma análise do Curso de Formação dos Soldados do Ronda do Quarteirão. Centro de Estudos Sociais Aplicados da Universidade Estadual do Ceará (Monografia). UECE, Fortaleza, 2010.

LAZZARINI, Álvaro. Estudos de Direito Administrativo. 2. Ed. São Paulo: Revista dos Tribunais, 1999.
RIBEIRO, Fernando. Ronda do Quarteirão chega ao fim após uma década. Fortaleza, CE. Disponível em: Acesso em 10 jan 2020.

SANTOS, Felipe Florêncio dos. A vertente legítima da atividade policial: as responsabilidades do cidadão e do agente policial frente à abordagem policial. Revista Científica Segurança em Foco, Fortaleza, v. 1, n. 1, p. 18-24, mai. 2019.

VANAGUNAS, Stanley. Planejamento dos serviços policiais urbanos. In: GREENE, J. R. (Org.). Administração do trabalho policial: questões e análises. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 2002.

VASCONCELOS, Cristiano Lins de. Formação policial: uma reflexão acerca da etapa formativa do concurso para admissão de novos policiais. Revista Científica Segurança em Foco, Fortaleza, v. 1, n. 1, p. 25-33, mai. 2019.
Publicado
2020-09-01
Como Citar
Andrade, L. (2020). POLICIAMENTO COMUNITÁRIO NO CEARÁ. Revista Do Instituto Brasileiro De Segurança Pública (RIBSP) - ISSN 2595-2153, 3(7), 181-193. https://doi.org/https://doi.org/10.36776/ribsp.v3i7.97